Sobre o Golpe

29 jun

VAI TER MAIS LUTA!

Mas que luta é essa?

Minha luta não é de ódio, não é de sangue. Nem de raiva, nem de perplexidade.

Essa LUTA é para manter vivas e ativas (VERMELHAS), a liberdade, a democracia e a esquerda nesse país.

A luta não é pontual e nem pessoal. Não é só contra o impeachment. O processo de impeachment é nosso motivo mais presente de GRITO, pois estão querendo sufocar as batalhas já vencidas. Essa luta não é pelo PT. É a LUTA de quem vive para defender os direitos sociais. É a LUTA de quem quer comida honesta (desembalada, despoluída de agrotóxicos) na boca de todos. É a LUTA de quem quer ver como prioridade, a SAÚDE, a EDUCAÇÃO, a CULTURA, as causas das MINORIAS desprivilegiadas, a LAICIDADE do Estado, a divisão das TERRAS latifundiárias ociosas, a MOBILIDADE urbana para além dos automóveis particulares. A LUTA é pela comunidade LGBTTTQIA, pelas mulheres, pelos negros, pela democratização dos meios de comunicação, pela terra distribuída a quem é sem. É a LUTA pela preservação plena do MEIO-AMBIENTE e dos DIREITOS indigenistas garantidos, em detrimento dos lucros das mega-empresas e multinacionais, quase sempre travestidos de melhoria da ECONOMIA do país. Por acaso, você já notou que a ECONOMIA é a única medida da mídia para o crescimento do país? Não que não seja importante, mas não pode ser um fim em si mesmo. Quem tem que estar vivo e com saúde para crescer é a sociedade, são os povos, as terras, as matas, as culturas. Quem disse que só os gigantes da indústria podem empregar? O que eles podem é pagar. Aliás, sem escrúpulos, pagam o que for preciso para se manterem soberanos no controle dos poderes.

Embora eu tenha plena ciência de que nem todas essas lutas o PT conseguiu abraçar nos últimos mandatos presidenciais (atingindo com dureza quem é de esquerda), é urgente defender a possibilidade da manutenção desses rumos no nosso país. Sem ufanismo. O que o país viveu de avanço em ALGUMAS dessas áreas (especialmente no campo social) nos últimos anos, é inquestionável. As alianças do passado, feitas com uma base descomprometida com tais questões ameaçam, agora, a nossa pueril democracia. Ela começava a andar em passo firme. Tão jovem, já querem lhe arrancar as duas pernas, tendo os cirurgiões da grande mídia, o serrote pronto na mão.

POVO DE LUTA

VAI TER MAIS LUTA! E não é só nos próximos dez dias ou seis meses contra o impeachment. Esse é só o início da LUTA. Vai ter mais luta em Outubro, vai ter mais luta em 2018 e vai ter mais LUTA TODOS OS DIAS.

A esquerda foi inflamada e volta a se reunir para as milhares de batalhas que ainda estão por vir.

Meu vermelho não é de sangue nem de partido. É de união por uma esquerda que LUTA.

Por amor pela vida.

Sigamos lutando.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: