Conversas

13 jul

Amiga ainda ficamos

Assim

Conversa meio aberta

Palavra inquieta

Que insiste no gargalo

Amiga

Num momento mais propício

Te digo

Era melhor ficar calada

Que cair na palavra errada

E ver os pés

Se meter pelas mãos

Amiga

Não vou mais lhe importunar

Esse samba não quer mais nada

Só insiste em me dizer

Que o caminho foi querer

Dizer só por dizer

Palavra errada

Estrada não guiada

Foi lá que fui querer

Insisti em não temer

E o assunto é pra lhe dizer

Em palavra

Solta sem querer

Por que é que fui dizer?

Palavra errada

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: